Comediante invade reunião da Fifa e atira dinheiro falso em Blatter

Fifa

 

O comediante inglês Simon Brodkin invadiu reunião da Fifa nesta segunda-feira e atirou notas falsas de dólares em direção a Joseph Blatter, que comandava o encontro, na Suíça. O evento em Zurique teve como intuito principal definir a data de nova eleição presidencial, marcada para 26 de fevereiro de 2016.

“Segurança, por favor”, disse Blatter, em meio à chuva de dólares.

Logo após a invasão do comediante (que também é conhecido como Lee Nelson), Blatter interrompeu a reunião para que a mesa fosse arrumada.

“Hoje é um dia importante para o futebol. Há duas coisas que lamento. Primeiro o atraso de hoje por conta do encontro importante que tivemos [definição da nova eleição presidencial]. Dois, lamento o acontecido na minha entrada, mas é um mal educado. Há gente que não conhece seu limite. Isso faz parte da vida”, disse Blatter, visivelmente irritado com a “pegadinha” armada pelo comediante.

Presidente da Fifa, Blatter tem evitado viagens internacionais em virtude da investigação realizada pela polícia norte-americana. O dirigente não compareceu ao Mundial de Futebol Feminino, realizado recentemente no Canadá, e também se ausentou da disputa da Copa América, no Chile.

Sete dirigentes ligados à FIfa foram presos no fim de maio, entre os quais o ex-presidente da CBF, José Maria Marin.

Para Blatter, as prisões tiveram caráter político, ressaltando que todos os detidos pertenciam a confederações da América.

“Sigo em vida após o tsunami que sacudiu a Fifa. Aqui estou. Vocês sabem o que aconteceu, mas a situação é que após eu ser reeleito no congresso começou uma pressão a que estava submetida a Fifa. Foi uma interferência política e agora estou aqui”.

Indagado em entrevista coletiva sobre o motivo da renúncia dias depois de ser reeleito, Blatter respondeu:

“Estávamos recebendo muita pressão e também dos meios de comunicação. Eu decidi [renunciar] para fazer algo pela Fifa. Eu quero defender a Fifa e não a mim”.

Comediante tem histórico de invasões

Famoso na Inglaterra por estrelar séries cômicas na TV, Simon Brodkin tem longo histórico de invasões. Em 2013, ele se vestiu de jogador do Manchester City, se misturando com o elenco do time inglês no campo. A segurança percebeu a presença do intruso. O comediante foi advertido pela Justiça inglesa.

No ano seguinte, em junho, o comediante tentou se passar de jogador da seleção da Inglaterra, que estava no aeroporto rumo a preparação para Copa do Mundo